facebook
Voltar para a lista

Abacaxi: a fruta tropical que conquistou o mundo

Abacaxi

O abacaxi (Ananas comosus) é originário da floresta amazônica e há milhares de anos, os povos indígenas o dispersaram pelas Américas. Naquela época, além de servir como alimento, os frutos eram utilizados para produção de bebidas alcoólicas (licor e vinho) e partes da planta serviam para o preparo de remédios.


VOCÊ SABIA?

O nome científico do abacaxi tem origem no guarani, “nana”, que significa abacaxizeiro, e “anana”, que é o fruto. Por isso, em Portugal, a fruta recebeu o nome ananás.


Assim, o abacaxi é um autêntico produto de regiões tropicais e subtropicais. Dessa forma, sua excelente qualidade organoléptica, marcada pela beleza da coroa, fazem com que o alimento seja reconhecido como o rei dos frutos.

O consumo da fruta

Os portugueses foram os responsáveis por levar o abacaxi para os outros continentes. Porém, hoje em dia, ele é uma fruta bastante conhecida e altamente consumida em todo o mundo. Além da fruta in natura, ele aparece sob a forma de compotas, sucos e doces cristalizados.

Ainda, em 2018, foram produzidos mais de 24 milhões de toneladas no mundo. No que se refere aos países produtores, os principais são Costa Rica, Filipinas e Brasil. Nesse sentido, as variedades de abacaxi mais plantadas são:

  •       MD-2 ou Gold
  •       Smooth Cayenne (Caiene, havaiano, ananás)
  •       Singapoore Spanish
  •       Pérola
  •       Queen
  •       Española Roja (Red Spanish)
  •       Perolera

Além disso, na década de 1980 e boa parte da década de 1990 a variedade Havaiano dominava o mercado internacional. A partir de 1996, todavia, houve substituição gradual dessa cultivar pela Gold, que apresenta menor acidez, principalmente nos frutos colhidos durante o inverno. Não é por acaso que essa variedade é a mais comercializada no mundo, pois apresenta sabor mais adocicado e aparências interna e externa desejadas pelos consumidores internacionais.


LEIA TAMBÉM:

Frutas tropicais: conheça e inclua na sua alimentação

O Abacaxi também é uma planta ornamental


Amadurecimento Abacaxi

Por ser uma fruta não climatérica, ou seja, que não amadurece após colhida, os produtores precisam esperar a hora exata de colher. Para isso, avaliam as mudanças de cor da casca, que deve ir do verde para amarelo. Tal alteração, portanto, tem início na base do abacaxi.

tipos de abacaxi
Abacaxi pérola, à esquerda e abacaxi havaí à direita. | Crédito: Julia Mercedes

Abacaxi no Brasil

No Brasil, a variedade mais cultivada é a Pérola, com pelo menos 80% da produção. Ela se destaca por apresentar um sabor mais adocicado, polpa suculenta e com pouca acidez (quando comparado ao Havaiano).  Ademais, a variedade Havaiano é a segunda mais produzida e mais utilizada no processamento, na forma de fatias ou suco.

Marcos Aurélio Peruchi "Um dos fatores que encarecem o abacaxi é a mão de obra, desde o plantio até a colheita. Todo o processo é manual, plantamos, fazemos cobertura para proteger do sol e colhemos no momento certo."
Marcos Aurélio Peruchi - Produtor de abacaxi em Cordeirópolis, interior de São Paulo

O abacaxi é cultivado em todo o território nacional e grande parte da produção ocorre em pequenas propriedades, muitas delas com características de agricultura familiar. No entanto, os principais estados produtores de abacaxi são o Pará, Paraíba e Minas Gerais. Marcos Aurélio Peruchi é aposentado e hoje alcançou o seu sonho que é ser agricultor. Uma das culturas que planta, em sua fazenda que fica em Cordeirópolis no interior de São Paulo, é o abacaxi. Ele afirma: “embora não pareça, o abacaxi é uma fruta muito sensível, precisamos sempre protegê-los do sol e doenças, a principal, causada por um fungo é a fusariose. O tratamento é a aplicação preventiva de um fungicida e eliminação de plantas doentes”,

Produtor Marco Aurélio
Marcos Aurélio Peruchi em sua produção de abacaxis, em Cordeirópolis

A produção de abacaxi ocorre o ano inteiro, mas é comum haver diferença nos preços da fruta, de acordo com mês e estado de consumo. Dessa forma, foram trezentos e quinze mil toneladas comercializadas nos principais centros de abastecimento do Brasil (CEASAs e CEAGESP). Região Nordeste apresentou, no ano de 2020, os preços mais baixos referentes ao quilo do abacaxi, variando entre 1,60 R$ (outubro) e 2,12 R$ (abril). Enquanto isso, a região Norte apresentou o quilo mais alto, entre 4,82 R$ (maio) e 2,67 R$ (dezembro).

preço médio do abacaxi 2020

 

Mas, para se ter a oferta da fruta o ano todo, é preciso voltar para o campo e se ter uma produção de qualidade. Dessa maneira, a cultura do abacaxi demanda alguns cuidados com o solo, com as plantas daninhas e com a floração das plantas. O vídeo abaixo traz essas informações.

O abacaxi é um ótimo alimento

O sabor e o aroma característicos do abacaxi advém de carboidratos, ácidos (destaque para o ácido cítrico) e compostos voláteis. Já os carotenóides atribuem a coloração amarela da polpa, enquanto as vitaminas e minerais trazem o valor nutritivo, sobressaindo o ácido ascórbico (vitamina C).

Qual é o benefício do abacaxi?

O abacaxi é uma fruta cítrica de excelente densidade nutricional, pois em uma porção (02 fatias médias =150g) apresenta em média 74 calorias provenientes predominantemente dos carboidratos (+-15,7g). Além disso, é fonte de fibra alimentar, que contribui com a saciedade e fornece mais de 50% da recomendação de vitamina C diária. Por último, a carga glicêmica é baixa, entre 6 e 10, o que favorece o consumo de uma porção do fruto por diabéticos.


LEIA TAMBÉM:

Abacaxi com duas coroas? Conheça os alimentos imperfeitos


Informação nutricional do abacaxiAlém do mais, a versatilidade do fruto permite a utilização em pratos quentes e frios, doces e salgados. No sentido do processamento, ele figura como compotas, geleias, passas, doces cristalizados, liofilizados, néctares, sucos, entre outros.

Todavia, é importante estar atento no processamento do abacaxi. Quando ele envolve tratamento térmico ocorre a perda de nutrientes, principalmente de vitaminas, como por exemplo a vitamina C.

O abacaxi conta, ainda, com a presença da bromelina, uma combinação natural de enzimas que ajudam a “quebrar” proteínas. Extraída de diferentes partes do abacaxi, ela é empregada no amaciamento de carnes, bem como na fabricação de queijos.

Pergunte ao Google, nós respondemos!

Pode comer abacaxi todos os dias?

Pode sim! O abacaxi é uma fruta fonte de fibra alimentar e vitamina C. Contém em sua composição minerais e demais vitaminas importantes para a manutenção da saúde. Incluir o abacaxi como uma das porções de fruta do dia é uma escolha saudável

Quais os males que o abacaxi pode causar?

Algumas pessoas referem sensibilidade à acidez do fruto com reações na mucosa da boca ou lábios. Vale lembrar que normalmente nestes casos a sensibilidade se aplica também aos demais frutos ácidos.

O abacaxi é diurético?

Toda fruta apresenta em sua composição porcentagem de água que contribuem com o processo de hidratação. Em 100g de abacaxi temos 87g de umidade. No entanto, não podemos atribuir ao mesmo uma ação diurética.

Abacaxi faz mal para diabete?

Todas as frutas apresentam carboidratos em sua composição. Em 100 g de abacaxi temos 10,5 g de carboidrato disponível. Pacientes diabéticos podem consumir de 03 a 04 porções de frutas distribuídas ao longo do dia. O abacaxi é uma das opções de frutas a serem inseridas no planejamento alimentar do paciente portador de diabetes. No contexto de um padrão alimentar saudável não trará prejuízos para o controle glicêmico. De acordo com a Tabela Brasileira de Composição de Alimentos o abacaxi apresenta carga glicêmica baixa em porção de 90-100g.

Abacaxi faz mal para gastrite?

A acidez do fruto pode causar desconforto gástrico em portadores de gastrite ou úlcera de acordo com a sensibilidade do paciente. banner abacaxi

Pode comer o talo do abacaxi?

Pode sim! O miolo do abacaxi possui textura mais firme e também apresenta compostos nutricionais. Se apreciar a textura do miolo, consuma a fatia de abacaxi inteira e se beneficie dos nutrientes e compostos bioativos  presentes neste alimento. A bromelina presente no fruto e também no miolo é uma enzima proteolítica que auxilia no processo de digestão.

 

 

Conteúdo atualizado em 02/06/2021

 

 

Principais Fontes:

Companhia Nacional de abastecimento (CONAB).

Food and Agriculture Organization of the United Nations (FAO)

Abreu, C. M. P., et al. Abacaxi: pós-colheita. Embrapa informações tecnológicas, 2007.

Açaí é base de corante que facilita cirurgias oculares

Notícia

Fruta é base de um composto que pode facilitar muito as cirurgias intraoculares ...

Lista de legumes

Conheça a lista de legumes mais consumidos no Brasil

Notícia

Uma lista de legumes mais consumidos no Brasil. Você sabe quais são eles? ...

Dendê

Dendê: conheça a palmeira que conquistou o mundo com seus óleos

Notícia

Que soja que nada! É do dendê o óleo mais produzido e consumido do mundo. Descubra o porquê desse protagonismo! ...