facebook
Voltar para a lista

Conheça 5 frutas ameaçadas de extinção

17/10/2018

Frutas ameaçadas de extinção

Chega ser entranho pensar que o Brasil, país conhecido por sua diversidade, pode ter frutas ameaçadas de extinção. Entretanto, nem mesmo o “celeiro do mundo” está livre de enfrentar esse tipo de situação.

De acordo com um levantamento realizado pela Organização Não Governamental internacional Slow Food, chamado de Arca do Gosto, mais de 750 produtos alimentícios de 48 países estão ameaçados de sumir do planeta.  Os motivos que levam um alimento a ser classificado como em risco de extinção são: perda da tradição no modo de preparo; produção complexa; coleta não sustentável; localização do produto em área devastada; e desinteresse mercadológico.

Os principais alimentos brasileiros nessa lista são as frutas nativas. Apesar de desconhecidas de grande parte da população urbana, essas frutas carregam tradição, sabor e nutrientes. Deixar que a grande diversidade brasileira seja perdida é um grande prejuízo para nossa gastronomia.

Uma das formas de evitar esse destino trágico é conhecer mais sobre alguns desses alimentos. Confira abaixo cinco frutas brasileiras que podem ser extintas nos próximos anos.


SAIBA MAIS

Alimentos seguros: o que tem de certo e errado

Araucária, árvore do pinhão, também corre risco de extinção


Frutas ameaçadas de extinção: Jenipapo

Famoso por causa da música “O Pato”, de Vinícius de Moraes, o jenipapo não está mais na boca da população. Mais comum no Norte e no Nordeste do País, a fruta pode ser consumida logo após ser colhida do jenipapeiro ou utilizada como ingrediente principal em diversos produtos, como sucos, doces e licores.

De acordo com a cultura popular, é indicado para quem sofre de problemas respiratórios como asma e bronquite. Em sua composição encontramos nutrientes como Fibra e vitaminas A, do complexo B e C.

Uma das dificuldades encontradas para que o jenipapo “caia no gosto” da população reside no fato dele ser altamente perecível. Dependendo do estágio de maturação no momento da colheita e das condições nas quais são mantidos, a vida útil não ultrapassa 48 horas.

Frutas ameaçadas de extinção: Araticum

Doce e muito cheiroso, lembra a fruta-do-conde, só que é menor e tem casca amarela. Amadurece entre os meses de março e maio. É, portanto, uma fruta do outono. Quando maduros, apresentam coloração marrom e podem ser coletados no chão.

São encontrados dois tipos da fruta e para identificá-los é necessário atenção a polpa: polpa rósea – mais macio e doce; e polpa amarelada – mais claro, ácido e menos macio.

De acordo com a Tabela Brasileira de Composição de Alimentos (TBCA), o araticum pode ser considerado boa fonte de fibras (com 4,72 gramas a cada 100 gramas) e contém vitaminas e minerais. Seu valor energético é de 100 calorias a cada 100 gramas, equivalente ao abacate e ao açaí na mesma porção.

Frutas ameaçadas de extinção: Grumixama

A grumixama se destaca pela viscosidade. Não à toa seu nome deriva do Tupi-Guarani “guamichã”: o que pega na língua. Nativa da Mata Atlântica, sua árvore tem porte médio e flores brancas de muito perfume. Quando adulta, pode alcançar até 15 metros de altura. Sua madeira é própria para obras de marcenaria comum, carpintaria e forros.

Dados da TBCA indicam que a fruta tem baixo valor energético (47 calorias a cada 100 gramas do alimento) e é boa fonte de fibras. Do mesmo modo, contém Vitamina A e compostos bioativos. Assim como o jenipapo, a grumixama pode ser comida direto do pé ou como ingredientes para preparar sucos, licores, aguardentes, vinagres e doces.

Frutas ameaçadas de extinção: Jaracatiá

Comum das regiões do cerrado, o jaracatiá é uma fruta também conhecida por mamão bravo, por causa do leite ácido que escorre dela. Ela não é cultivada comercialmente e é encontra em pés espalhados pelos sítios e áreas rurais do país. O pé de jaracatiá pode atingir 20 metros de altura e a fruta também é conhecida em outros países das Américas do Sul e Central.

Nos biomas de florestas secas do Brasil, é popularmente conhecido por alimentar animais em períodos secos, além disso, seu caule propicia o preparo de um delicioso doce. Mas atenção! Para consumir a jaracatiá é necessário retirar todo o leite presente na fruta. Por ser ácido, pode machucar.

Frutas ameaçadas de extinção: Cambuci

CambuciNativa da mata atlântica, o cambuci é um fruto verde e gosto que lembra o do limão. Seu formato é um caso a parte. Arredondado e com uma crista no meio, dizem que lembra a forma de um disco voador ou pote de água indígena. Estudiosos, inclusive, defendem que o termo kãmu-si, seja oriundo do tupi-guarani, que significa pote d’água.

Nos tempos da colonização, o cambuci era abundante da Serra do Mar e por toda São Paulo, principalmente pelo bairro que leva seu nome. Hoje em dia, encontrar uma das árvores de cambuci é tarefa difícil, mas quem encontra se delicia com uma fruta de aroma adocicado e sabor marcante.

Conhece mais alguma fruta rara? Que tal contar para gente no nosso Facebook?

 

Fonte: Hortifruti, 17 de outubro de 2018

Referências:

  • Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica.  Alimentos regionais brasileiros / Ministério da Saúde, Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Atenção Básica. – 2. ed. – Brasília : Ministério da Saúde, 2015.
  • Tabela Brasileira de Composição de Alimentos (TBCA). Universidade de São Paulo (USP). Food Research Center (FoRC). Versão 6.0. São Paulo, 2017. [Acesso em: agosto/2018 ]. Disponível em: http://www.fcf.usp.br/tbca/
Graviola é uma das frutas brasileiras

10 frutas brasileiras que você não consome, mas deveria

Notícia

É impossível experimentar de tudo, mas essas frutas brasileiras são especiais. Confira! ...

16/10/2017

Goiaba vence a crise

Goiaba vence a crise e conquista o mercado

Notícia

Mesmo com desafios e crise econômica, mercado da goiaba permanece aquecido e impressiona com os números de sua produção no Brasil ...

22/08/2018

frutas tropicais

Conheça as frutas tropicais tipo exportação

Notícia

Ganhando cada vez mais adeptos em terras temperadas, frutas tropicais são opções saborosas e saudáveis ...

21/02/2019