facebook
Voltar para a lista

Dia Mundial da Alimentação: descubra como está o consumo de frutas e hortaliças no Brasil

08/10/2020

Dia Mundial da Alimentação

O Dia Mundial da Alimentação, criado pela Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO), foi comemorado pela primeira vez em 16 de outubro de 1981). Desde então, a cada ano, diferentes temas são abordados e discutidos em eventos por todo o mundo.

Assim, o tema do Dia Mundial da Alimentação de 2020 é: Crescer, Nutrir, Sustentar. Juntos. Dessa maneira, é importante usar o dia para pensar a respeito da produção de alimentos, da nutrição e do hábito de comer. Também é um bom momento para refletir sobre as populações vulneráveis e sua dieta alimentar.

Ensinamento do Dia Mundial da Alimentação: devemos comer bem

Semana feia consciente
Na semana em que se comemora o Dia Mundial da Alimentação, participe do programa que revela a história e os potenciais de vegetais que fazem parte da nossa dieta. Online e Gratuito.

Na atual crise de saúde em que vivemos, temos passado mais tempo em casa e, com isso, muitas pessoas resgataram a sua conexão com a comida. Além disso, ter acesso a uma alimentação saudável é uma excelente forma de prevenção contra doenças. Nesse sentido, o Dia Mundial da Alimentação nos relembra da importância de buscar comer bem, sempre que possível.

Por isso, devemos reconhecer e valorizar toda a cadeia produtiva. Pesquisadores, agricultores, técnicos agrícolas, caminhoneiros, feirantes e grandes mercados. Todos esses grupos têm trabalhado para assegurar que alimentos de qualidade continuem chegando em nas casas brasileiras.

Alimentação dos brasileiros: saiba mais

Segundo a Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) 2017-2018, o café, feijão, arroz, suco e refrigerante são os alimentos mais consumidos, no dia a dia, pelos brasileiros. O estudo foi feito com base na análise do consumo alimentar, divulgada pelo IBGE em agosto deste ano.

alimentos mais consumidos pelos brasileiros

Além disso, a pesquisa mostra que a maior parte das calorias consumidas (53,4%) é proveniente de alimentos in natura ou minimamente processados, o que é um fator positivo. No entanto, cerca de 20% são adquiridas de alimentos ultraprocessados, hábito que, sempre que possível, deve ser evitado.

Saiba mais sobre os grupos de alimentos abaixo:

Grupos de alimentos

Com relação ao consumo de verduras e legumes, a alface, tomate, couve, repolho, abóbora, cenoura, chuchu, pepino, mandioca e as batatas doce e inglesa seguem sendo as preferidas.Entre as frutas, o abacaxi, açaí, banana, laranja, maçã, mamão, manga, melancia e tangerina são as mais presentes na nossa dieta alimentar.

No entanto, ao comparar dados da POF de 2008-2009 com a POF de 2017-2018, é possível notar uma redução no consumo de frutas, verduras e legumes. Tal dado permanece  muito abaixo do recomendado.

Nesse sentido, é importante saber que a recomendação da Organização Mundial de Saúde (OMS), é que cada indivíduo deve ingerir por dia pelo menos 400 gramas de frutas e hortaliças. Este valor equivale, aproximadamente, ao consumo diário de cinco porções desses alimentos.

consumo de frutas, verduras e legumes

Em relação aos dados da pesquisa as mulheres merecem destaque. Elas apresentam uma frequência maior de consumo para todos esses alimentos. A exceção é da batata inglesa, que é mais consumida entre os homens.

Se levarmos em consideração as Regiões, o Sul e Sudeste concentraram as maiores médias de consumo per capita para a maioria das frutas e verduras. No entanto, o Centro-Oeste apresenta um maior consumo de abóboras, enquanto o Nordeste é o maior consumidor de batata doce e melancia. Por último,a região Norte é a que mais consome açaí.

Confira os dados do estudo Vigitel

Além da POF, outra pesquisa para a qual devemos olhar neste Dia Mundial da Alimentação é o estudo Vigitel (Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico).

Divulgado em abril de 2020, o Vigitel também abordou o consumo de alimentos considerados marcadores de padrões saudáveis, entre eles as frutas e hortaliças. Segundo os dados da pesquisa,e em média, a frequência do consumo de frutas e hortaliças, dentro do recomendado pela OMS, foi de 22,9%. Ainda, a taxa foi menor entre homens (18,4%) do que entre mulheres (26,8%).

Aumento de doenças: esteja atento

Ainda segundo dados do Vigitel, no período entre 2006 e 2019 a prevalência de doenças como o diabetes, hipertensão arterial e obesidade tiveram um significativo aumento entre os adultos entrevistados. Os números subiram de 5,5% para 7,4%, 22,6% para 24,5% e 11,8% para 20,3%, respectivamente. Em relação à obesidade, o  crescimento foi superior a 80%.Em síntese, isso mostra que dois em cada dez brasileiros apresentam excesso de peso.

Nesse sentido, uma forma de prevenir essas doenças é aumentando o consumo de frutas e hortaliças. O baixo número de pessoas que consomem a quantidade recomendada desses alimentos ainda é pequeno e pode ser melhorado.

Por isso, nós do programa Hortifruti Saber & Saúde temos como objetivo mostrar, de forma acessível, como os alimentos são produzidos no Brasil. Dessa forma, promovemos seu consumo ao mostrar que as frutas e hortaliças brasileiras são seguras e saudáveis. Não deixe de explorar nossos conteúdos e descobrir informações de qualidade e muitas curiosidades sobre os alimentos produzidos pelos agricultores brasileiros.

Receitas para aproveitar o Dia Mundial da Alimentação

macarrão-de-abobrinhaQue tal inovar no Dia Mundial da Alimentação e preparar algumas das receitas já disponíveis em nosso site?

Caso você se interesse mais por um gostinho brasileiro, temos uma receita de ceviche com maracujá – fruta que é nativa do Brasil. Abóboras e abobrinhas também são originárias das Américas, e por aqui você pode aprender deliciosas receitas de um risoto de abóbora e sálvia ou um macarrão de abobrinha.

Além disso, não deixe de conhecer as plantas alimentícias não convencionais do Brasil. Agora, caso queira explorar sabores mais exóticos, aprenda a preparar um Chucrute, prato típico da culinária alemã. Por última, confira o passo a passo do Chutney, receita tradicional na Índia, e também uma pasta de berinjela árabe.

 

 

Principais fontes:

Brasil. Vigitel Brasil: vigilância de fatores de risco e proteção para doenças crônicas por inquérito telefônico. Brasília, 2020.

Food and Agriculture Organization of the United Nations (FAO)

IBGE. Pesquisa de Orçamentos Familiares 2017-2018: análise do consumo alimentar pessoal no Brasil. Rio de Janeiro, 2020.

frutas tropicais

Frutas tropicais: conheça e inclua na sua alimentação

Notícia

Ganhando cada vez mais adeptos em terras temperadas, frutas tropicais são opções saborosas e saudáveis ...

21/02/2019

Maçã geneticamente modificada chega aos supermercados dos EUA

Notícia

Fruta geneticamente modificada (GM) para não escurecer depois de cortada começou a ser comercializada em novembro ...

14/11/2017

Alimentos orgânicos e alimentos convencionais

Alimentos orgânicos e alimentos convencionais: o que são?

Notícia

Alimentos orgânicos não apresentam diferenças nutricionais quando comparados aos alimentos convencionais. ...

14/11/2018