facebook
Voltar para a lista

Frutas, legumes e verduras: qual a diferença?

23/02/2018

Frutas, legumes e verduras: saiba a diferença!

Quando precisamos apontar quais alimentos são classificados como frutas, legumes e verduras, é comum aparecerem dúvidas. O primeiro passo para que isso seja driblado é compreender que, de acordo com a definição adotada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), todos esses alimentos são hortaliças – plantas herbáceas das quais uma ou mais partes são utilizadas como alimento na sua forma natural.

Devido à grande quantidade de espécies, foi necessário criar categorias para classificar as hortaliças. Foi dessa maneira que as divisões entre frutas, verduras e legumes surgiu.  Uma das classificações mais antigas e que vem sendo utilizada até hoje pela Associação Brasileira Das Centrais De Abastecimento (antigo Sistema Nacional de Centrais de Abastecimento) leva em consideração as partes utilizadas na alimentação humana.

Os tipos de hortaliça

Dessa forma, podemos dividir os vegetais de seguinte maneira:

  • Hortaliças herbáceas

Frutas legumes e verduras-alface

Aquelas cujas partes aproveitáveis situam-se acima do solo, sendo tenras e suculentas (alface, taioba, aspargo, aipo, couve-flor, alcachofra, etc.)


  • Hortaliças fruto

Frutas legumes e verduras-melancia

Aquelas em que se utiliza o fruto, verde ou maduro, todo ou em parte (melancia, pimentão, quiabo, ervilha, tomate, jiló, etc.)


  • Hortaliças tuberosas

Frutas legumes e verduras-cenoura

Aquelas cujas partes utilizáveis desenvolvem-se dentro do solo, (batata, cenoura, cará, inhame, cebola, alho, etc.)

 

Frutas, legumes e verduras: a classificação definitiva

Em uma divisão mais simples, podemos estabelecer que:

  • Verduras: são todas as hortaliças em que a parte comestível são as folhas, flores ou hastes
  • Legumes: são todas as hortaliças em que a parte comestível são os frutos ou as sementes
  • Raízes: são todas aquelas hortaliças em que a parte comestível se desenvolve abaixo do solo.

VEJA TAMBÉM

Saiba como reaproveitar os alimentos.

Qual a quantidade de hortaliças que devo incluir na minha dieta?


Vale destacar que essa divisão não é considerada oficial. É apenas a forma popular de como cada vegetal ficou conhecida pelos consumidores.  De acordo com o Manual da Horta, da engenheira agrônoma Helen Elisa C. R Bevilacqua, essa divisão surgiu baseada na forma de transporte dos alimentos.

“O critério para enquadrar as numerosas hortaliças cultivadas num ou noutro grupo, seria a adequação ou não à tradicional embalagem que é a caixa tipo “K” (de querosene, pois este produto era trazido, na época da Segunda Guerra, neste tipo de caixa), também conhecida como caixa tipo “tomate”. Assim, os “legumes” seriam aquelas hortaliças consideradas adaptadas a tal embalagem (hortaliças tuberosas e hortaliças frutos); todas as demais (hortaliças herbáceas) seriam simploriamente denominadas de “verduras”, mesmo que a cor verde não predomine”.

Entenda melhor o que são frutas, legumes e verduras.

Verduras

Verdura nada mais é do que folhagem comestível. Podem ser folhas, flores, plantas botões ou hastes.

Um aspecto interessante das verduras é que elas possuem baixo teor de carboidratos e calorias, além de apresentarem vitaminas e minerais variados. Dessa forma, são ótimas opções para quem deseja investir em uma alimentação saudável.

A escolha e o armazenamento requerem atenção especial: como são alimentos de pouca durabilidade é importante verificar a sua qualidade e cortá-las apenas na hora do consumo.

 

Legumes

Os legumes são vegetais que possuem frutos comestíveis; Esse podem ser desenvolvidos na parte exterior ou abaixo da terra, mesmo que apenas as folhas fique expostas.

Podem ser consumidos de diversas formas: crus, cozidos, fritos, no vapor, entre outros.

Os legumes apresentam uma maior quantidade de carboidratos do que as verduras.  Alguns alimentos dessa categoria, inclusive, podem chegar até a 20% de carboidratos.

 

Mas e as frutas?

Com a divisão apresentada acima, temos uma categoria que não aparece destacada: as frutas. Isso ocorre porque sua classificação foi estabelecida popularmente e não de maneira técnica. Assim, os frutos (que se enquadram na divisão dos legumes) doces ou cítricos, são definidos como frutas.

Ou seja, pode-se dizer que frutas são legumes adocicados ou cítricos.

Esse tipo de alimento apresenta em sua composição diversas vitaminas  , fibras, carboidratos (glicose, frutose, sacarose, amido) e minerais.

Na hora do consumo, prefira frutas frescas, sem manchas ou batimentos que alteram suas propriedades.

Por fim, vale lembrar que legumes, verduras, raízes e frutas são as divisões mais amplas das hortaliças. É possível ir além e classificar dentro dessas categorias.

 

Uma outra divisão

Além da classificação em frutas, legumes e verduras, as plantas também podem ser divididas de acordo com sua classificação botânica. Essa classificação faz mais sentido para quem produz hortaliças, mas como é possível encontrar alguns desses termos na hora da comercialização, nada melhor do que conhecer um pouco mais.

Segundo a classificação botânica, as hortaliças podem ser:

  • Asteraceas (Chicoracea): Alface, Alcachofra, Almeirão, Chicoria
  • Crucíferas:Brócolis, Couve, Couve-Flor, Nabo, Rabanete.
  • Cucurbitáceas: Abóbora, Melancia, Melão, Pepino.
  • Leguminosas: Ervilha, Fava, Feijão.
  • Liliáceas: Alho, Alho poro, Cebola, Cebolinho
  • Quenopodiáceas: Acelga, Beterraba, Espinafre.
  • Solanáceas: Batata, Beringela, Pimento, Tomate.
  • Umbelíferas: Aipo, Cenoura, Cherovia.

E você? Já conhecia todas essas divisões? Conte para gente no Facebook

 

Fonte: Hortifruti, 23 de fevereiro de 2018

Proteína Vegetal

5 fontes de proteína vegetal

Notícia

Muitas dietas restringem o consumo de produtos de origem animal, como é o caso dos adeptos ao veganismo e ao vegetarianismo. Entretanto, deixar de comer carne é algo que precisa ser feito com planejamento ...

10/01/2019

Pitaya

Conheça a Pitaya, a fruta do dragão

Notícia

Ainda disponível em poucas regiões do Brasil, a pitaya é uma fruta de sabor suave e baixo teor calórico. Conheça mais sobre ela ...

27/03/2019

Milho

Milho: por que devo colocá-lo na dieta?

Notícia

Se você ainda tem alguma dúvida de que o milho é uma excelente opção para a alimentação da sua família, não deixe de ler esse artigo. Milho é tudo de bom ...

04/12/2018